porco

Curta, divulgue e acompanhe nossa página no Facebook e acompanhe nossos devocionais

Ao abordarmos os capítulos 13 e 14 do livro de Levítico descobriremos um texto muito interessante e diferente, que apresenta como assunto principal algumas doenças e anormalidades na pele do homem e também anormalidades em diversos objetos e que deveriam ser tratadas de maneira especial.

O texto sagrado traz uma descrição detalhada de como o exame deveria ser feito em cada caso, e também orienta aos líderes do povo como agir em cada caso, onde de maneira comum, caso a pessoa realmente apresentasse alguma dificuldade ou anormalidade na pele, essa pessoa deveria ser afastada do restante do povo, passando assim a viver de maneira isolada da comunidade.

E vemos também essa questão relacionada com objetos ou até mesmo casas, que caso apresentassem alguma anormalidade deveriam ser examinadas, tratadas e onde fosse necessário, destruídas.

E o que chama a nossa atenção no texto é porquê existe essa preocupação divina em tratar esse tipo de questão aparentemente irrelevante para nós de uma maneira geral, afinal, o que espiritualidade e relacionamento com DEUS tem a ver com essas doenças e anormalidades de pele e de objetos?

Três grandes fatos que podemos aprender com esse texto é que santidade tem tudo a ver com integridade e perfeição. Se você notar nos capítulos anteriores, perceberá que somente animais perfeitos poderiam ser ofertados ao SENHOR e que somente homens sem nenhuma deformidade física poderiam servir como sacerdotes, de maneira que precisamos entender que viver em comunhão e contato com DEUS exige de cada um integridade e uma vida dedicada à ELE. Aquilo que é imperfeito fere a santidade de DEUS e deve ser descartado. Assim nós devemos buscar aperfeiçoar nosso caráter e vida através da obediência a DEUS, que pode nos capacitar e purificar nossas vidas.

Outro fato que podemos aprender é que a individualidade não está acima da santidade de DEUS. É certo que em alguns casos o indivíduo diagnosticado com alguma anormalidade de pele deveria viver isolado, longe da sua família e comunidade, e isso apontava para o fato de que DEUS e Sua santidade são maiores do que o interesse individual.

Muitas pessoas agem de maneira egoísta, não tratando certas questões ou aspectos da sua vida e acham que isso não tem nada a ver com os outros. Mas se você é um cristão isso não pode acontecer, pois a sua vida afeta a vida dos seus irmãos em CRISTO. As coisas andam bem quando o corpo como um todo anda bem. Não existe espaço dentro de um relacionamento com DEUS para egoísmo e individualismo, é necessário pensar nos demais de maneira especial, para isso que o cristão foi chamado.

E por último, a pessoa que estava nessa condição de uma anormalidade na pele deveria saber que DEUS estava no controle da situação, e que caso ela fosse curada, haveria purificação e restauração para ela. Do mesmo modo hoje nós devemos ter essa mesma confiança e saber que DEUS está no controle das nossas vidas e que existe esperança de uma condição restaurada através de JESUS CRISTO, que pode nos purificar e restaurar nosso relacionamento com DEUS e também pode cuidar das nossas vidas.

A santidade divina exige integridade e caráter, o nosso individualismo não está acima da santidade de DEUS, que deve ser colocada sempre em primeiro lugar e DEUS está no controle de cada situação e sempre há esperança de conforto e restauração em JESUS CRISTO.

Como você tem aplicado essas verdades na sua vida?

Que DEUS o abençoe

Anúncios