voip_300x225_20131024_toomany

Curta, divulgue e acompanhe nossa página no Facebook e acompanhe nossos devocionais

Nosso estudo no livro de Levítico chega agora nos capítulos 6 e 7 que vão essencialmente recapitular os 5 sacrifícios já apresentados anteriormente, porém dessa vez o foco é o serviço do sacerdote, como ele deveria proceder em cada caso e quais atitudes e ações eram esperadas da parte dele.

É importante destacarmos que essas 5 ofertas apresentadas anteriormente cobriam todos os aspectos da vida de um israelita, mostrando tanto para eles quanto para nós que ser santo (ou seja, ser separado) envolve mais do que apenas atividades que podemos considerar como  “espirituais”. A santificação envolvia (e ainda envolve) todos os aspectos da vida, os relacionamentos interpessoais, profissionais e as relações familiares. A maneira de tratar o vizinho, os amigos e mesmo as pessoas que não gostam de você fazia parte do processo de ser santo.

Jesus no Novo Testamento diz que DEUS deve ser adorado em espírito e em verdade, e isso tem levado muitos ao entendimento incorreto de que o espírito e a forma de adorar são opostos, e que espontaneidade e falta de preparo na adoração são sinais de alta espiritualidade.  E na verdade esses textos de Levítico indicam justamente o oposto, que pela sua grande importância DEUS merece o melhor, o mais organizado, o mais preparado culto e adoração.

E no fim todos esses sacrifícios apontavam para a pessoa de JESUS o CRISTO, que foi capaz de na sua morte cumprir todos eles, nos reconciliando com DEUS.

Que grandes lições para nossa vida!

Ser melhor (santo) em todos os aspectos da vida, adorar a DEUS com seu melhor e viver com o melhor, ou seja, com JESUS CRISTO para ser reconciliado com DEUS!

Aceita o desafio?

Anúncios