Curta, divulgue e acompanhe nossa página no Facebook e acompanhe nossos devocionais

images

No capítulo 20 do livro do Êxodo o povo de DEUS está agora acampado próximo ao monte Sinai e seu líder, Moisés, está em contato com DEUS para receber as instruções em relação a aliança que está sendo firmada entre DEUS e o povo. DEUS havia libertado o povo do Egito para estabelecer com eles uma aliança, um pacto, e agora do capítulo 20 em diante nós veremos os termos desse “acordo” entre DEUS e seu povo. O DEUS libertador agora revela sua presença de maneira exigente, indicando ao povo como eles, como povo de DEUS, devem se comportar debaixo desse novo relacionamento, em suas relações pessoais, familiares, de trabalho e de culto.

Um detalhe de grande importância aparece no verso 2 do capítulo 20, onde em apenas um verso nós temos informações fundamentais para o correto entendimento daquilo que DEUS apresentará na sequência como as exigências para esse relacionamento.

O verso 2 em poucas palavras, nos mostra quem efetuou a libertação do povo da escravidão e opressão do Faraó, pois o verso começa dizendo “EU SOU O SENHOR”. Foi o SENHOR que libertou e fez a grande obra de livramento na vida do seu povo.

Além disso o verso prossegue dizendo quem o SENHOR DEUS deve ser para o povo, pois lemos “O TEU DEUS”. O SENHOR deve ser considerado como o DEUS do seu povo, objeto do máximo respeito, reverência e amor.

O texto prossegue dizendo o que O SENHOR, o DEUS de Israel, fez por eles, de modo que vemos no texto “QUE TE TIROU DO EGITO”, mostrando de maneira clara que DEUS exige um relacionamento correto pois ELE é o libertador, ELE é quem tirou o povo da terra do EGITO.

E por último, o SENHOR, o DEUS de Israel, que TIROU o povo do EGITO, diz o que essa libertação significa “DA TERRA DA ESCRAVIDÃO”. A Libertação apontava para o resgate, para a real liberdade do Faraó, agora eles não estão mais na terra da escravidão, são livres, e devem portanto se relacionar com DEUS de maneira adequada.

E a grande verdade para nós é que sem um correto entendimento de quem DEUS é, o que ELE representa para nós e o que ELE fez por nós, não haverá um relacionamento correto e real com ELE.

A base do nosso relacionamento com DEUS deve ser nossa compreensão de quem DEUS é, o que ELE representa, e o que ELE fez por nós!

Você sabe o que DEUS fez por você? Quem não sabe, deveria saber!

Se ainda não sabe, busque a JESUS CRISTO, o filho de DEUS, reconheça sua condição de afastamento DELE, se arrependa e estabeleça por meio de CRISTO um relacionamento verdadeiro com DEUS.

Que DEUS nos abençoe!

Anúncios