Acompanhe nosso devocional diário, curta, divulgue e acompanhe nossa página no Facebook

campos-2

Continuando o projeto “Dia a Dia na Palavra 2017” (para saber mais leia aqui) vamos ler e meditar em Gênesis capítulo 13.

Vemos no capítulo 13 que Abrão e seu sobrinho Ló estão estabelecidos e ambos possuem muitos bens, são homens prósperos. E no verso 6 surge então uma oportunidade para Abrão se auto afirmar ao invés de crer na promessa de DEUS. Aconteceram brigas entre os pastores de Ló e de Abrão e Abrão propõe para Ló que ele escolha em qual local ele deseja ficar, que ele iria para outro afim de evitar mais problemas.

Abrão tinha a promessa da terra, feita por DEUS à ele no capítulo 12, portanto ele não precisava julgar a situação baseado no que ele via, como Ló, que escolheu as campinas do Jordão pela sua atratividade. Ló levanta os olhos e examina a situação escolhendo de maneira egoísta aquilo que lhe parecia melhor (verso 10)

Abrão permaneceu firme na promessa e DEUS novamente, no verso 14 reforça a promessa da terra para ele.

E DEUS nos mostra pela Sua palavra, a Bíblia, que obedece-LO exige muitas vezes uma atitude concreta que não parece ser a melhor no momento. Abrão não ficou com o “melhor” do momento, mas ele tinha o melhor que DEUS havia prometido a ele.

Quando DEUS diz “ame ao teu próximo como a ti mesmo” isso nem sempre parece bom aos nossos olhos, mas fique firme nas promessas, pois DEUS sabe o que faz!

Que DEUS nos abençoe!

Anúncios